Disciplina - Educação Física

Busca Educação

Lenda do xadrez

Essa atividade exigirá muita atenção dos alunos. Seu objetivo é através de uma atividade lúdica, propiciar um primeiro contato com o jogo de xadrez, sem necessariamente começar com o jogo propriamente dito.

Material: 1 peça do tabuleiro de xadrez, ou uma caneta.

Formação: Formar duplas, sentados um de frente para o outro com a peça no centro da mesa. A mão deve estar na orelha e os cotovelos apoiados na mesa.

Desenvolvimento: O professor irá ler o texto e informar que cada vez que ele disser a palavra "rei", os alunos deverão pegar o objeto da mesa.

Obs.: No texto repete-se a palavra "reino" algumas vezes, o professor pode expressá-la de forma mais lenta, aguçando a concentração dos alunos, certamente muitos pegarão o objeto nessa palavra.

Lenda do Xadrez

"Há muito tempo existiu um reino chamado Xadrez. Era um país próspero, onde todo mundo convivia em paz e harmonia. Xadrez era o exemplo de um reino bem dirigido por um rei admirado por todos. O nome do monarca era R, mais conhecido como rei do Xadrez. R estava casado com D, a quem também chamava de a dama do Xadrez.

Em seu matrimônio tiveram dois filhos gêmeos. Só uma coisa os diferenciava. Um tinha os cabelos tão loiros que cegavam a quem olhasse e era chamado de R, o rei branco. O outro, ao contrário, era muito moreno e por isso foi batizado com o nome de R, o rei preto. Os dois irmãos eram bons amigos. Nunca brigavam e sempre ajudavam um ao outro.

Quando ficaram adultos, casaram-se. R, o rei branco, casou com D, a dama branca, e R, o rei preto, casou-se com D, a dama preta. As celebrações duraram 40 dias e 40 noites. Contudo, a alegria não durou muito tempo. Num dia de tempestade, R, o rei do Xadrez, ficou doente. Mas antes de morrer repartiu o reino de 64 províncias, dividindo-as entre seus dois filhos: 32 brancas para o rei branco e 32 pretas para o rei preto.

Também repartiu o exército em duas metades, distribuindo-as aos dois filhos. Em pouco tempo, o rei do Xadrez morreu e foi enterrado com grandes honras. No dia seguinte, o reino do Xadrez possuía duas partes: o exército branco e o exército preto. Os problemas não tardaram a surgir, pois nenhum dos dois se conformava com o que tinha, querendo todo o terreno. Então declararam uma guerra, a qual venceria o mais astuto, isto é, aquele que conseguisse derrotar o outro. Para isso dispunham da ajuda do exército real".



Essa atividade foi extraída da aula Lenda do Xadrez, do professor Marcelo Costa - Curitiba/PR. Disponível no Portal do Professor/MEC. Acessado em 11/07/2013. Todas as informações contidas nela são de responsabilidade do autor.
Recomendar esta página via e-mail: